Reflexões

Alegrai-vos sempre no Senhor

Celebração do Natal que se aproxima.

 A Carta de Paulo ao Tessalonissenses, neste domingo da alegria, nos convida à alegria e a dar graças em todas as circunstâncias porque esta é a vontade de Deus em Jesus Cristo.

 No evangelho, “surgiu um homem enviado por Deus: Seu nome era João. Ele como preparou Jesus a iniciar sua missão, nos prepara para a celebração do Natal que se aproxima. Aos que o procuraram para saber quem ele era, João declarou que não é a luz, nem o profeta, muito menos o Messias, mas, simplesmente “ele veio para dar como testemunho da luz, para que todos chegassem à fé por meio dele”. “Eu sou a voz que grita o deserto: Aplainai os caminhos do Senhor. Eu batizo com água; mas, no meio de vós está aquele que vós não conheceis”.

 Estas palavras proferida pelo Batista referem-se a Jesus, que já está aparecendo por entre as pessoas que se aproximam do rio Jordão para serem batizados. Toda a preocupação de João é “endireitar o caminho” para que aquela gente que se dirigia ao Jordão pudessem acreditar em Jesus.

 Esta cena e palavras do Batista, nos provocam, também, para nós, hoje, perguntas. Nós conhecemos Jesus que está em nosso meio? Ele é para nós uma pessoa viva, como era o Jesus de Nazaré? Como o estamos seguindo?  Dizemos sim! É verdade, falamos dele e nada há de mais importante para nós! Mas, logo tudo passa e nós nos voltamos a dar prioridade às nossas ideias, aos nossos desejos, à nossa forma rotineira de viver, retornando às nossas atividades. E Jesus acaba ficando, de novo, em segundo plano. Sem nos percebermos “escondemos” Jesus.

 João veio para dar testemunho de Jesus. Na língua grega testemunho, testemunhar quer dizer “martírio”, “mártir”. Os cristãos não escondiam serem testemunhas de Jesus. Como Jesus mártir na cruz, como João no cárcere, os cristãos morreram por causa da fé. “Endireitar o caminho” para Jesus é acreditar e seguir hoje e sempre Jesus, o Filho de Deus que está no meio de nós.

Outras Imagens

Comentários